Como se proteger no transporte particular?

Por: Coordenadoria de Relações Públicas | Em: 06/07/2020

Durante a pandemia, centenas de pessoas optaram pelo serviço de transporte particular, seja por táxi ou de aplicativo, para se locomover e evitar aglomerações em transporte público.

Contudo, mesmo sem aglomerações, o transporte particular pode apresentar um grande risco de contágio por sua rotatividade de pessoas.

Pensando nisso, a Prefeitura Municipal de Francisco Morato separou algumas dicas para usuários e motoristas se protegerem durante o trajeto.

1) A máscara é indispensável: Além do uso obrigatório da máscara de acordo com Decreto Municipal 46 ”G”/2020, o uso da mesma é fundamental para a redução do risco de transmissão dentro do transporte.


2) Motorista, higienize constantemente o seu veiculo: Com álcool isopropílico – que não danifica o material plástico –, limpe toda a superfície com a qual tem contato, como volante, câmbio, freio de mão, seta, retrovisor interno, painel e som. Esse cuidado deve ser feito antes e após o uso do veículo. Já o passageiro deve ter cuidado ao ingressar no veículo pois metal da porta e o plástico da maçaneta são vetores, por isso higienize sempre com álcool as mãos.

3) Cuidados no momento do pagamento: Quando o cliente realizar o pagamento em dinheiro, lembre-se de higienizar as mãos e os braços com álcool em gel. O ideal é priorizar o pagamento pelo cartão de crédito direto pelo aplicativo o que evita contatos entre passageiros e motoristas bem como a manipulação de dinheiro e troco no veículo.

4) Priorize a ventilação: Não use o ar-condicionado. Dê preferência para deixar as janelas abertas e, assim, manter o interior arejado. Caso o uso do ar-condicionado seja inevitável, é aconselhado fazer limpeza e manutenção do filtro.